Saúde Bucal Além da Estética

Saúde Bucal

Saúde Bucal Além da Estética – A importância da Saúde Coletiva

É nossa obrigação, como Profissionais da Saúde, além de conhecer e dominar técnicas reabilitadoras, informar a população sobre Saúde, não somente Saúde Bucal, já que o tratamento dos que nos procuram deve ser de forma integral e multidisciplinar.

De acordo com a OMS, define-se SAÚDE como “um estado de bem-estar físico, mental e social e não somente a ausência de doenças e enfermidades” e, pelo nosso Código de Ética Odontológico, “cabe aos profissionais de Odontologia, como integrantes da equipe de saúde, dirigir ações que visem satisfazer as necessidades da saúde da população e da defesa dos princípios das políticas públicas de saúde e ambientais que garantem a universalidade de acesso aos serviços de saúde, integralidade de assistência á saúde, preservação da autonomia dos indivíduos, participação da comunidade, hierarquização e descentralização político-administrativa dos serviços de saúde”. Também, de acordo com o CEO, é obrigação dos profissionais de Odontologia “promover a saúde coletiva no desempenho de suas funções, cargos e cidadania, independentemente de exercer a profissão no setor público ou privado”.

A Internet foi muito importante na complementação das nossas ações de saúde, uma vez que permite difundir conhecimento, orientar pacientes e desmistificar assuntos através de estudos científicos, contribuindo com a sociedade. Ou seja: ficou mais fácil para nós promover saúde, de forma rápida e com amplo alcance.

Percebe-se hoje, que o maior problema da Odontologia não é o desenvolvimento de técnicas que reabilitem, de forma conservadora, os pacientes, muito menos o desenvolvimento de materiais que se assemelhem à estrutura dental e confiram resistência e estética aos trabalhos. Vê-se que a grande falha é a Educação em Saúde, a pouca disseminação da importância da Saúde Bucal e meios de prevenir as doenças bucais, que é a forma mais barata de tratamento que existe.

O Brasil era pra ser referência em Saúde Bucal, já que somos a maior população de Dentistas do mundo, correspondendo a 19%.

Alguns dados do IBGE mostram a necessidade de Educação em Saúde Bucal no Brasil:

  • 11% da população é de desdentados, cerca de 16 milhões de pessoas;
  • Das pessoas com mais de 60 anos, 41,5% já perderam todos os dentes;
  • Cerca de 23% das pessoas sem instrução ou ensino fundamental concluído são desdentadas;
  • 33% dos brasileiros usam algum tipo de prótese;
  • Maior parte dos atendimentos é feito em consultório particular;
  • 19,6% dos atendimentos acontecem no SUS;
  • Mais da metade da população não procura atendimento odontológico;
  • 53% da população escova os dentes pelo menos 2x ao dia e fazem uso de fio dental;

Isso mesmo! A Odontologia moderna, dos laminados e da jovialidade, está se esquecendo de atuar na base de todos os problemas. Infelizmente pouco se vê de ações integradas para promover Saúde e comprometimento da Classe com esse tipo de serviço.

No consultório, no nosso dia a dia, o momento mais importante do tratamento é tempo empregado na orientação e nos esclarecimentos do paciente em relação aos problemas que resultaram em determinada necessidade de reabilitação. Doença cárie, saúde da gengiva, técnicas de escovação, importância do flúor e etc. são conhecimentos de extrema relevância que devem ser levados aos pacientes para que, depois de reabilitados, eles entendam a dinâmica do surgimento dos problemas e como agir para preveni-los.

Folders, imagens ilustrativas, animações gráficas e textos complementam nossa fala e motivam o paciente! Por esta razão, mais uma vez, a Internet se torna aliada do nosso compromisso em educar: blogs, Facebook, YouTube e outras redes possuem informações atrativas e interativas que servirão, de forma moderna, para nos ajudar a disseminar conhecimento, agregando valor à Odontologia.

Além do que, utilizar-se dos meios digitais e de impressos de qualidade reflete positivamente na consolidação da sua marca e maior visibilidade da sua empresa, no que diz respeito a Marketing!

Pense nisso e faça sua parte! Informe e transforme sorrisos!

*Juliana Lemes é graduada pela UNESP-SJC, atua em clínica geral e estética dental. Dentista 10h por dia, “escritora” nas horas vagas e “maquiadora” de vez em quando – das resinas, dos clareamentos, dos sorrisos e dos pincéis!

Conteúdo relacionado

Halitose: principais causas e tratamentos

Halitose: principais causas e tratamentos

Saúde Bucal
A halitose é um distúrbio muito comum na área odontológica, confira como ela é causada, suas principais características, diagnóstico e tratamento da doença!
Dia Mundial da Saúde Bucal

Dia Mundial da Saúde Bucal

Saúde Bucal
A Saúde Bucal é fundamental para a saúde de todo o corpo e, no Dia Mundial da Saúde Bucal, não podemos deixar de falar deste tema tão importante. Confira!