Página Inicial Gestão e Marketing 5 Dicas para contratação de profissionais de odontologia
Gestão e MarketingOdontologia

5 Dicas para contratação de profissionais de odontologia

Contratar profissionais na odontologia pode ser um desafio para muitos dentistas donos de um negócio.

Afinal, é preciso encontrar candidatos que não só possuam habilidades técnicas e experiência adequadas, mas que também sejam compatíveis com a cultura do seu consultório ou clínica odontológico.

Pensando nisso, reunimos nesse conteúdo 5 dicas de ouro para a contratação de profissionais, além de um passo a passo com pontos importantes a serem considerados durante o recrutamento e seleção. Continue a leitura e saiba mais!

contratação de profissionais de odontologia

1. Defina o regime de contratação

Na hora de contratar um novo colaborador, é preciso escolher o regime de contratação mais adequado para o seu negócio, considerando todas as implicações legais e financeiras de cada um deles.

As modalidades de contratação na odontologia mais utilizadas são CLT e comissionamento, mas também há casos de contratação de dentista PJ (pessoa jurídica) ou autônomo.

Veja a diferença entre elas:

CLT: contratação por carteira assinada, registrada com base na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O profissional contratado tem direito a salário fixo, 13º, FGTS, recolhimento de INSS, férias remuneradas e demais benefícios.

Comissionamento: o profissional contratado recebe comissão pelos serviços prestados. O pagamento das comissões pode ser feito considerando procedimentos realizados, faturamento diário ou desempenho profissional.

Autônomo: contratação de um funcionário autônomo para prestação de serviços odontológicos. Por ser uma pessoa física, o pagamento deve ser formalizado com a emissão de RPA, o Recibo de Pagamento Autônomo.

Pessoa Jurídica (PJ): contratação de um profissional PJ, ou seja, uma empresa que presta serviços para o seu consultório. É preciso ter cuidado para que essa parceria não caracterize vínculo empregatício.

baixe o ebook como aprimorar o seu desempenho na pratica clínica

2. Entenda o perfil do profissional desejado

A definição do perfil profissional é essencial para garantir uma boa contratação, visto que demissões causadas pela seleção errônea de candidatos são muito comuns.

Nesse caso, comece listando todas as características que um profissional deve ter para preencher a vaga em aberto, como formação acadêmica, habilidades técnicas, experiências profissionais, promoções e reconhecimentos obtidos ao longo da carreira.

Considere também a personalidade e as habilidades comportamentais do candidato que mais se encaixa na cultura seu consultório e combine com a sua atual equipe de trabalho.

Uma secretária, por exemplo, deve apresentar características como organização, boa comunicação e otimização de processos, para uma gestão eficiente das rotinas administrativas.

Um dentista, por outro lado, deve ter habilidades técnicas de sua especialidade, mas também competências comportamentais, como trabalho em equipe e empatia com os pacientes que serão atendidos.

3. Verifique o budget para a vaga ou parceria

Verifique o orçamento disponível para a contratação de um novo colaborador ou estabelecimento de uma parceria de negócio (contratação PJ, autônomo).

Realize pesquisas de mercado para garantir que o salário ou valor oferecido pela prestação dos serviços será capaz de atrair e reter talentos qualificados que contribuirão para o sucesso da clínica.

Essa etapa requer uma análise cuidadosa, pois esse tipo de informação dita a capacidade financeira dos consultórios e, consequentemente, os rendimentos a longo prazo.

4. Use redes sociais, networking e ferramentas a seu favor

Aproveite o alcance das redes sociais como LinkedIn, Instagram e Facebook para divulgar a vaga e entrar em contato com possíveis candidatos ao cargo.

Conte também com as indicações de profissionais que atuam em seu consultório ou no ramo odontológico. Essa é uma maneira simples e confiável de encontrar candidatos qualificados.

Para otimizar o processo de contratação, não deixe de usar plataformas especializadas de recrutamento e seleção, como Gupy e Vagas.com, que facilitam e agilizam a identificação, avaliação e seleção de talentos.

5. Passo a passo para uma boa contratação de profissionais de odontologia

Cada etapa do processo de contratação tem sua importância para a seleção dos melhores candidatos para sua clínica ou consultório odontológico.

Pensando nisso, preparamos um passo a passo que te ajuda a realizar uma boa contratação e garantir a evolução do seu negócio na Odontologia. Confira!

  1. Identifique a necessidade de abrir uma vaga;
  2. Entenda o perfil do profissional desejado;
  3. Defina o regime de contratação;
  4. Verifique o orçamento disponível para a contratação ou parceria;
  5. Elabore um job description (descrição da vaga, contendo todas as informações necessárias);
  6. Divulgue a vaga em diferentes canais e aproveite as redes sociais para fazer contato com possíveis candidatos;
  7. Utilize uma plataforma especializada para facilitar o processo de contratação;
  8. Se necessário, contrate uma consultoria de RH ou empresa especializada em recrutamento e seleção;
  9. Selecione os candidatos e realize entrevistas;
  10. Considere testes práticos, se necessário;
  11. Entre em contato com as referências fornecidas pelo candidato;
  12. Tome a decisão final sobre qual é o candidato mais adequado para a sua vaga.

Finalmente, após seguir todas essas etapas, provavelmente você encontrará um profissional com perfil ideal para compor o seu time odontológico.

Além disso, após a contratação, é preciso realizar uma boa integração do profissional escolhido, proporcionando um ambiente de trabalho saudável e cooperativo que contribua para o sucesso e crescimento do seu negócio na odontologia.


Leia também:

Fontes:

  • https://www.simplesdental.com/blog/comissionar-dentista/#:~:text=%C3%89%20fundamental%20saber%20que%20na,pelos%20procedimentos%20realizados%20nos%20pacientes
  • https://blog.wedologos.com.br/como-contratar-um-bom-funcionario/
  • https://www.dentaloffice.com.br/pessoa-fisica-ou-juridica-odontologia/
  • https://www.dentaloffice.com.br/o-que-considerar-na-contratacao-secretaria/
  • https://www.seniorgestaoemarketing.com.br/10-passos-para-contratar-funcionarios-medicos-ou-dentistas-na-sua-cl%C3%ADnica-ou-consultorio
  • https://www.dentaloffice.com.br/o-que-considerar-na-contratacao-secretaria/
  • https://www.gupy.io/blog/acertar-selecao-de-pessoas
  • https://revistapegn.globo.com/Negocios/noticia/2018/10/como-redes-sociais-podem-ajudar-na-hora-de-contratar-funcionarios-segundo-o-linkedin.html
  • https://redeioa.com.br/post/soft-skills-a-importancia-das-habilidades-comportamentais-para-os-dentistas
Publicado por
Gabrielli Nery Wandscheer

Formada em Administração pela Estácio, especialista em Marketing e redação técnica na área odontológica.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Gestão e MarketingOdontologia

Dentista, entenda como sair do papel e digitalizar sua clínica

A gestão clínica na odontologia tem experimentado uma evolução notável, impulsionada pelo...

sensor-digital-odontologico
OdontologiaOdontologia Digital

Raio – X Portátil e Sensor Digital: saiba mais sobre o uso na Odontologia

A radiologia digital, além de revolucionar o diagnóstico na Odontologia, também é...

Gestão e MarketingInstitucional

O que considerar na hora de escolher uma dental?

É essencial escolher uma dental parceira que ofereça qualidade, entrega eficiente e...