Odontologia e Sustentabilidade

InstitucionalOdontologia

Você já se perguntou como a Odontologia pode contribuir com a qualidade de vida do planeta? Pois, essa e muitas outras questões têm sido levantadas em eventos, rodas de conversa e até mesmo no cotidiano clínico, principalmente no mês de junho quando o debate sobre conscientização ambiental ganha mais destaque com a Semana Mundial do Meio Ambiente.

A grande questão é que a sustentabilidade é muito mais ampla do que se pensa, afinal, inclui ações práticas, filosóficas e, principalmente, éticas que envolvem muitas pessoas. Para iniciarmos este assunto com foco na área da Odontologia, é preciso esclarecer alguns conceitos fundamentais.

Odontologia Sustentável: o que é?

No contexto atual, a Odontologia Sustentável tem sido tratada como uma nova característica profissional ou um novo conceito dentro da área. Junto dela, está atrelada a preocupação pela manutenção do meio ambiente e a finitude dos recursos disponíveis.

Na prática, implica em ações ecologicamente adequadas, ou seja, ações que sejam economicamente aceitáveis, respeitosas ao ser humano e que otimizem seu trabalho (evitando perdas e gastos desnecessários). Da mesma forma, é preciso estar atento ao descarte de qualquer material usado nos procedimentos odontológicos.

A sustentabilidade no campo da Odontologia, diz respeito ainda, a separação de alguns materiais danosos à qualidade da água, sendo eles: amálgama, mercúrio, entre outros. Estes, fazem parte do uso diário dentro de um consultório e de acordo com especialistas da área, é de responsabilidade do profissional estar atento a sua prática, perceber onde estão os maiores desperdícios e corrigir essas falhas pensando em um bem maior e coletivo.

Realidade dos resíduos de serviços de saúde

Para projetarmos mudanças eficazes é preciso analisar de forma crítica e consciente os hábitos de agora, e mesmo que haja uma legislação (Conselho Nacional do Meio Ambiente, CONAMA, Nº358) estabelecendo uma classificação para os resíduos, os dados indicam que aproximadamente 25,7% dos municípios do país destinam este tipo de lixo sem qualquer tratamento prévio.

O ideal é que o gerador de resíduos, ou seja, a clínica ou consultório, seja responsável por um plano interno de gerenciamento de lixo, afinal, só quem tem contato diário com estes materiais é capaz de classificar qual tipo de material usa e como descartar de forma correta.

Sabendo que os resíduos não podem ser reciclados e são altamente prejudiciais ao meio ambiente e a saúde pública, a ANVISA (Agência nacional de Vigilância Sanitária) publicou regras que condizem com as já estabelecidas pelo CONAMA, levando em conta especificidades da área.

Classificação dos resíduos gerados no consultório

Seguindo as recomendações da ANVISA e CONAMA, o fluxo do lixo odontológico deve seguir etapas até, de fato, o descarte, sendo:

  1. Segregação;
  2. Identificação;
  3. Transporte interno;
  4. Armazenamento externo;
  5. Coleta;
  6. Transporte;
  7. Destinação ambientalmente adequada.

Desta forma os resíduos podem ser classificados em grupos específicos que correspondem às características tóxicas de cada um, veja:

Grupo A: Resíduos com presença de agentes biológicos com risco infeccioso, como sangue e fluidos corporais infecciosos;

Grupo B: Resíduos com produtos químicos que representam perigo à saúde e ao ambiente, como produtos de limpeza, líquidos reveladores e fluidos de amálgama;

Grupo C: Resíduos com radionuclídeo, presente em laboratórios, radioterapia, entre outros. Não muito comum em consultórios odontológicos.

Grupo D: Resíduos que não apresentam risco biológico, químico ou radiológico, são mais próximos dos domiciliares;

Grupo E: Resíduos cortante, vidros, agulhas e similares.

Baixe agora o cartaz de orientação: Como separar o lixo do seu consultório.

Dicas para tornar o consultório mais ecológico

Além de conscientizar a equipe sobre a importância das atitudes ecologicamente corretas, é preciso adotar hábitos e colocar em prática as mudanças. Desta forma, alguns passos podem ser seguidos para que o processo seja naturalizado internamente.

Primeiramente, reduza papéis de gerenciamento ou escolha opções que troquem papel comum pelo papel ecológico. Além disso, muitos softwares auxiliam também no gerenciamento de informações com êxito.

Simples Dental software odontológico

Outra forma de contribuir com o meio ambiente é tendo um controle interno do gasto de energia, água e o consumo de materiais de higiene. Evitar desperdício, além de refletir positivamente nos gastos fixos do seu consultório, fará total diferença na conservação dos recursos naturais.

A cadeira odontológica também merece uma atenção especial. É importante que ela sempre retorne ao ponto zero ao finalizar um atendimento. Lembre-se de desligar o refletor quando realizar procedimentos extrabucais e acionar os suctores apenas quando for utilizar.

É de conhecimento geral que o material da radiografia é altamente nocivo, por isso, adotar a radiologia digital na rotina de trabalho, permite dispensar ouso de filmes e produtos químicos. Além de otimizar seus diagnósticos.

Por último, mas nunca menos importante, invista atenção na separação correta dos lixos inorgânicos seguindo as normas vigentes da Odontologia. Esteja consciente que o descarte correto dos materiais infecciosos é de extrema importância para saúde pública e para o meio ambiente, como já mencionamos acima.

Saúde ocupacional e sustentabilidade

Como qualquer ambiente de trabalho, os consultórios odontológicos e clínicas tem como obrigação zelar pela Saúde Ocupacional e Segurança do Trabalho. Estes recursos promovem uma redução nos acidentes e doenças no âmbito profissional através do Plano Nacional de Segurança e Saúde no Trabalho (PNSST).

Desta forma, influencia diretamente na sustentabilidade dos processos, afinal, assegura o equilíbrio social e econômico com as propostas abaixo:

  1. Promover saúde e qualidade de vida aos trabalhadores;
  2. Prevenir acidentes e doenças;
  3. Evitar mortes;
  4. Reduzir riscos à saúde em ambientes de laboratório;
  5. Dar assistência em caso de acidentes.

Por isso, para que o plano seja posto em prática é fundamental que os consultórios mantenham os hábitos de separação do lixo, por exemplo, reduzindo riscos para funcionários e frequentadores daquele espaço.

Por que ser um dentista sustentável?

As práticas da sustentabilidade na Odontologia não devem ser levadas apenas como um diferencial, mas sim um hábito que faça parte do cotidiano da clínica, visando sempre melhorar as condições de vida da população.

Além disso, um consultório sustentável é sinônimo de economia, levando em conta que se tem controle dos desperdícios de material e de recursos naturais como água, energia elétrica, entre outros.

Produtos Ecológicos para dentistas

A Odontologia Sustentável pode ser uma realidade muito próxima do seu consultório, basta que toda a equipe abrace a ideia como um ideal coletivo e que propaga a segurança. Promover saúde, bem-estar e consciência ecológica todos os dias é como plantar sementes férteis para o futuro do seu consultório e do mundo.

Referências

Como a Odontologia contribui para o meio ambiente. Disponível em: <https://www.uninovafapi.edu.br/noticias/2021/6/9/como-a-odontologia-contribui-para-o-meio-ambiente>.

INTERNATIONAL, I. R., Dental Tribune. Entrevista: “Espero que a odontologia sustentável … Disponível em: <https://br.dental-tribune.com/news/entrevista-espero-que-a-odontologia-sustentavel-alcance-em-breve-massa-critica-e-se-torne-a-norma/>. Acesso em: 30 maio. 2022.

O Papel da Segurança do Trabalho no Desenvolvimento Sustentável. Disponível em: <https://onsafety.com.br/o-papel-da-seguranca-do-trabalho-no-desenvolvimento-sustentavel/>. Acesso em: 30 maio. 2022

Qual a realidade do descarte de lixo nas cidades brasileiras? Disponível em: <https://www.vgresiduos.com.br/blog/qual-a-realidade-do-descarte-de-lixo-nas-cidades-brasileiras/#:~:text=Descarte%20de%20res%C3%ADduos%20de%20servi%C3%A7os%20de%20sa%C3%BAde%20nas%20cidades&text=Mesmo%20a%20legisla%C3%A7%C3%A3o%20CONAMA%20n%C2%BA>. Acesso em: 30 maio. 2022.

4 passos para tornar seu consultório mais sustentável. Disponível em: <https://www.dentaloffice.com.br/seu-consultorio-odontologico-mais-sustentavel/>. Acesso em: 30 maio. 2022.

Redatora em Dental Speed
Graduada em Publicidade e Propaganda pela UFN Universidade Franciscana, especialista em Produção de Conteúdo para Web.
Liane Vellozo
Últimos posts por Liane Vellozo (exibir todos)

Artigos relacionados

Education Template