Você conhece a Odontologia lateral?

Especialidades

Odontologia lateral

Saiba mais sobre Odontologia lateral, o método que promete revolucionar a experiência de dentistas e pacientes.

Uma mudança de paradigmas é a aposta da Odontologia lateral. Um método de trabalho que promete ser a solução que dentistas e pacientes procuram para evitar problemas de ergonomia e melhorar a experiência de atendimento para ambos os lados, associada ao uso de uma cama odontológica

  • Estudos sobre origem da cadeira odontológica;
  • Os riscos ocupacionais ergonômicos do dentista; 
  • Reposicionamento do dentista e do paciente; 
  • A criação da cama odontológica
  • O acolhimento ao paciente; 
  • Ganhos de agilidade e produtividade no consultório. 

Conheça mais sobre evolução dessa ideia revolucionária para a odontologia:

eBook sobre odontologia lateral para baixar na dental speed

Um problema ergonômico histórico 

Se tem uma coisa que todo dentista conhece, é o contorcionismo necessário para executar os procedimentos na boca do paciente. Sem muito esforço é possível recordar aquele momento “todo torto” para alcançar o molar lá no fundo. 

Foi lidando com esse problema de tentar corrigir a postura do dentista, que cirurgião-dentista Roberto Motta começou a esboçar o que depois chamaria de odontologia lateral, propondo uma mudança na posição do paciente, colocando-o de lado no atendimento. 

“Como nunca pensaram nisso antes?” Essa é a pergunta mais recebida por Motta ao longo dos anos de desenvolvimento do método de atendimento lateral.

Desde os primórdios da odontologia, há 350 anos, quando as pessoas iam a barbearia e já aproveitavam para arrancar o dente, com dor – que a odontologia é realizada com o paciente de barriga pra cima e sentado em uma cadeira. 

Após uma revisão detalhada de artigos científicos e a constatação que ainda hoje o dentista enfrenta os mesmos problemas de ergonomia que enfrentava há séculos, Motta percebeu que a origem do problema não estava no profissional, mas sim na posição do paciente para o atendimento. 

A odontologia mudando de forma 

Todo o estudo se iniciou através de uma pergunta chave: Se o dentista e o paciente estivessem no espaço, sem gravidade, qual seria a melhor posição relativa para colocar os dois?

E assim desenhando e catalogando todas as posições possíveis ele chegou na fórmula simples e conclusiva: colocar o paciente na posição lateral seria a melhor solução para o profissional e ainda somaria diversos benefícios para o paciente. 

Para a aplicação da lateralidade foi necessário tirar a tradicional cadeira de cena e colocar o paciente em uma cama – uma cama odontológica. A ideia, batizada de “Odontologia Lateral” foi publicada na revista APCD, e sugeria que o dentista atendesse na “posição de escritório” com todo conforto e apoio possível para preservação de sua saúde. 

Bem-estar e agilidade para o dentista 

Segundo relatos da Dra. Angela Siqueira, a odontologia lateral foi uma mudança para melhor:

“Não aguentava mais as dores nas costas depois de um dia intenso de trabalho, por isso optei por atender na cama.”

A cirurgiã-dentista também afirma que além do ganho de qualidade de vida devido a postura, se surpreendeu com aumento de agilidade durante o atendimento. 

Nesse sentido, o ganho de produtividade ocorre porque o profissional não precisa ficar ajustando o equipamento constantemente, se reposicionando ou buscando os instrumentais.

Como o trabalho foi reposicionado, mas as técnicas de atendimento são as mesmas, os profissionais recebem um breve curso na internet e já estão aptos para trabalhar com esse modelo. 

Acolhimento ao paciente

De fato, o medo de dentista ainda é muito comum. Entre os fatores que podem desencadear a chamada: odontofobia, a psicóloga e mestre em Análise do Comportamento, Mariana Amaral, enfatiza que estímulos presentes no ambiente odontológico “possuem propriedades altamente aversivas” e que a “posição de barriga para cima deixa a pessoa vulnerável”. 

Porém, quando o paciente é colocado na posição fetal a experiência passa ser mais acolhedora e humanizada. Além disso, os travesseiros que acompanham o paciente durante o atendimento lateral têm função tanto ergonômicas quanto emocionais. 

A Dra. Thais Nutti, cirurgiã dentista que adotou o novo método, conta que consegue surpreender positivamente seus pacientes: 

“Ao ver a cama pela primeira vez os paciente sempre dizem: Nossa doutora, dessa forma eu vou dormir!”

demostrando que o equipamento promove um estado de relaxamento e conforto. 

Outro benefício do atendimento lateral para o paciente é a ausência da sensação de afogamento, como relata a paciente Luana Marques:

“Uma das principais vantagens é não ter aquela sensação da água incomodando no fundo da garganta”.

Ou seja, de barriga para cima, o ponto de escoamento de objetos, saliva e sangue é no fundo da garganta, causando desconforto e colocando o paciente em risco de engasgo. No entanto, isso não ocorre com o paciente de lado, já que o ponto de escoamento fica na bochecha. 

Assista um vídeo completo sobre Odontologia lateral:

Inovação e experiência diferenciada com a odontologia lateral

Logo, colocar uma cama odontológica em seu consultório proporcionará uma experiência diferenciada para seus pacientes. Isso está diretamente relacionado ao marketing de boca a boca, que hoje em dia é tão comum na internet.

A cirurgiã-dentista Dra. Thais Richter, por exemplo, é muito ligada nas inovações e conta que já adquiriu muitas tecnologias que melhoram o desempenho do atendimento, mas a cama é realmente um diferencial na hora da consulta.

Sendo assim, a cama odontológica e o atendimento em lateralidade são uma oportunidade de diferenciação em um mercado tão competitivo com a Odontologia, além de promover conforto e segurança para os pacientes.

Quer saber mais sobre Odontologia lateral? Confira a página da CYON na Dental Speed.

Conteúdo relacionado

Como empreender na odontologia?

Como empreender na odontologia?

Gestão e Marketing
Quer saber como ser um dentista empreendedor? Em um mercado competitivo, é preciso se diferenciar. Conheça nossas dicas sobre empreendedorismo na odontologia. Saiba mais em nosso post!