Dentista recém-formado: Qual caminho seguir?

Universitários

Você está na reta final da faculdade ou acabou de se formar e sente um leve desespero do que fazer em seguida? Calma! Isso é mais normal do que você imagina. A insegurança é algo natural, por isso não a encare como uma monstruosidade.

Mas afinal, após se formar qual o melhor caminho? A resposta desta pergunta é muito relativa e existem inúmeras possibilidades, tudo vai depender dos seus desejos e planos para o futuro.

Para te ajudar podemos abordar algumas opções, confira!

Escolhendo uma especialização

Se você tem certeza da área que gosta e tem oportunidade para fazer uma especialização, vá em frente! Afinal é muito importante manter a prática e não ficar parado. Além disso, se você sabe em qual área quer seguir, procure um trabalho onde você já possa colocar em prática sua área de preferência.

Muitas vezes ouvimos que tal área não é bem remunerada, que mercado para tal área já está saturado, mas minha dica é: PARE E NÃO ESCUTE NEGATIVIDADES! Siga com o seu objetivo e se dedique sempre para fazer o melhor trabalho possível, lembre-se que sempre há oportunidades para quem faz um bom trabalho.

Programa Universitários

Mas se eu ainda não decidi?

Atender como clínico geral é uma ótima forma de trabalhar em várias áreas da Odontologia, além disso, faz com que você não perca a prática.  Se você ainda não decidiu a área que deseja atuar, veja isso como uma oportunidade de saber o que você gosta ou não de fazer no consultório. Além do mais, o trabalho também se torna fundamental para interagir com outros profissionais e realizar trocas de experiências, isso é essencial!

Outro ponto importante é que você conheça as áreas de interesse e converse com profissionais que trabalham nas especialidades que mais lhe agradam entenda como será o dia a dia do seu trabalho e se realmente está de acordo com o que você imagina.

 

Ter um consultório próprio

Um sonho de muitos Dentistas recém-formados é abrir o próprio consultório. O primeiro passo é fazer um planejamento financeiro e analisar a viabilidade do negócio. Definir todos os investimentos necessários para abrir o seu negócio e definir se fará isso sozinho ou se terá um sócio. Outra questão importante a ser levantada são os gastos que você terá nos primeiros meses após a abertura. É muito comum que empresas demorem um certo tempo para começarem a dar lucro, por isso é importante fazer todo o planejamento para evitar surpresas desagradáveis.

Caso não seja possível abrir o consultório logo de imediato, outra opção é trabalhar com coworking odontológico. Isto é, alugando uma sala em alguma clínica e fazendo um trabalho de marketing para trazer os seus próprios pacientes. Dessa forma, você só paga para utilizar o local e já vai conquistando a sua clientela.

Tudo em até 12x

Seguindo a área acadêmica

Se você decidir seguir carreira acadêmica, assim que terminar a graduação já deve se preparar para ingressar na pós-graduação. Sendo possível optar por uma formação “lato sensu”, uma especialização que é voltada para a prática-clínica, ou então uma formação “stricto sensu”, optando por um mestrado e doutorado que é totalmente voltado para o ensino e pesquisa na área odontológica.

Além disso, o profissional que escolhe a carreira acadêmica precisa levar em conta algumas questões, como habilidades de comunicação, boa escrita e saber ensinar, pois dentre as atividades da área, o profissional irá lecionar, participar de bancas, elaborar artigos científicos, desenvolver pesquisas, entre outros.

Quer saber mais sobre essa área, leia o nosso blogpost ” Carreira acadêmica na área Odontológica: por onde começar?

 

Igualmente, é possível também exercer a profissão de Cirurgião-Dentista em sindicatos, convênios e até mesmo prestar concurso público para trabalhar no SUS- Sistema único de saúde ou nas Forças-Armadas – Marinha, Exército ou Aeronáutica, recebendo salários fixos e estabilidade profissional.  Outra opção é trabalhar como Dentista em empresas privadas, contudo, esse mercado ainda é muito restrito no Brasil.

De qualquer forma, temos que ter em mente que a vida é um grande aprendizado e o fim da faculdade é apenas o começo de tudo. Por isso, use seu tempo para se aperfeiçoar, estudar, ler artigos e interagir com profissionais das diferentes áreas para te ajudar na sua escolha.Não se esqueça que a insegurança é normal e ninguém é perfeito, mas a cada dia podemos procurar sempre fazer o nosso melhor.

 

Sabriny Hertel

Artigos Relacionados