Sedação consciente na Odontopediatria

Odontopediatria

Sedação consciente por oxigênio e óxido nitroso na Odontopediatria

O uso da sedação consciente por oxigênio e óxido nitroso, também conhecido como “cheirinho” ou gás do riso, é uma ótima opção para auxiliar nos atendimentos Odontológicos e principalmente para o atendimento de crianças.

Porém o tema muitas vezes causa dúvidas e as perguntas que recebo frequentemente são:

Essa sedação funciona para todas as crianças? Esse gás faz a criança dormir? É seguro? A reversão do efeito demora quanto tempo?

Nessa matéria vou sanar algumas destas dúvidas. Vamos lá?

O que é sedação consciente por oxigênio e óxido nitroso?

A sedação nada mais é do que a diminuição do nível de consciência do paciente. Ela é feita a partir da inalação de uma mistura do óxido nitroso com oxigênio por meio de uma máscara. Ela é indicada para proporcionar maior conforto e relaxamento durante os procedimentos odontológicos no consultório.

Mesmo havendo muitos mitos sobre o uso do gás, trata-se de um procedimento muito seguro. Em pacientes adultos, se aplica muito para cirurgias. Quem é que não gostaria de ficar mais relaxado e tranquilo para fazer uma cirurgia de extração de siso, por exemplo?! ⁣Já na Odontopediatria é realizada principalmente para a cooperação da criança durante o atendimento.

Qual a indicação de uso?

Muitos pais chegam até o consultório pedindo pela sedação consciente com óxido nitroso. Contudo, é importante deixar claro que a sedação consciente não é indicada para todos os casos.  O principal motivo é que o gás precisa ser inalado pelo nariz.

Logo, se levarmos em conta que uma criança que chora muito durante o atendimento não irá respirar pelo nariz, não é indicado o uso do óxido nitroso nessas situações.  O uso de gás só é feito quando há colaboração do paciente. 

Existe idade mínima da criança para uso do gás no atendimento?

Crianças de pouca idade geralmente não são colaboradoras para usar o óxido nitroso e oxigênio, elas não entendem, não tem maturidade e/ou choram muito. Além disso, o gás não é uma alternativa “milagrosa”.

Então, nesses casos, o indicado é explicar para os pais que não será possível usar o gás, e sugerir que  levem a criança para consultas de manejo, assim ela cria confiança no profissional para posteriormente deixá-lo executar o atendimento de maneira tranquila e segura.

O gás é uma ótima alternativa para crianças um pouco maiores, com 4 ou 5 anos e que já entendem melhor e costumam aceitar bem o uso.

O gás faz o paciente dormir e/ou ficar inconsciente?

 A resposta é não. Em alguns raros casos a pessoa pode sim ficar mais sonolenta, mas chegar a dormir é muito improvável.

Sobre ficar inconsciente também é um mito. A pessoa que está sendo sedada continua consciente durante todo o uso, sensível ao tato e a comandos verbais.

É seguro?

Conforme já mencionado o uso de gás de óxido nitroso e oxigênio em atendimentos é super seguro, incluindo também a reversão dos efeitos.

Tem um efeito de início em 30 segundos, com um pico em mais ou menos 5 minutos. Trata-se de um procedimento de baixo risco para o paciente, pois ele fica o tempo todo com consciência. Ele é eliminado assim que exalado e o efeito é revertido rapidamente.

Contudo, sempre há contraindicações:

  • Crianças muito pequenas ou que choram durante o atendimento;
  • Portadores de doenças obstrutivas crônicas pulmonares;
  • Pacientes com distúrbios emocionais;
  • Gestantes no primeiro trimestre de gravidez;
  • Pacientes com deficiência da vitamina B12 ou da enzima metilenotetra-hidrofolato redutase (MTHFR).

Para uso do óxido nitroso, é essencial que o profissional de Odontologia faça uma habilitação em Sedação Consciente Inalatória com Óxido Nitroso, garantindo a segurança dos pacientes.

Você costuma usar o óxido nitroso em seus atendimentos? Conte mais nos comentários!

Conteúdo relacionado