Afinal, quanto gasta um estudante de Odontologia?

MercadoUniversitários

A partir do momento que você escolhe o curso de odontologia você tem que ter uma coisa em mente: não é um curso nada barato.

Afinal, quanto gasta um estudante de Odontologia? A concorrência por uma vaga nos cursos de Odontologia é bastante acirrada, tanto nas universidades públicas quanto nas privadas. Independentemente do quanto você tem que investir na mensalidade do curso (caso seja privada) você não pode esquecer-se das famosas e tão temidas listas de materiais que são necessárias para os laboratórios e clínicas (estágios).

Em geral, a reação de todo mundo que recebe a lista é sempre a mesma:

Shocked Drew Barrymore GIF

Durante o curso, não há custo quanto equipamentos permanentes (cadeira odontológica, compressor, autoclave e bomba a vácuo). Na minha época não necessitava comprar também o amalgamador e fotopolimerizador, pois os atendimentos clínicos em forma de estágio eram realizados com equipamentos da própria faculdade.

Contudo, certos equipamentos e materiais utilizados precisam ser adquiridos pelo aluno, por um custo que pode variar em média entre R$ 4.500,00 a R$ 5.500,00 por semestre (para materiais permanentes e de consumo). As listas de maior valor começam normalmente a partir do terceiro/quarto semestre. Entretanto, o curso costuma ser crescente em função da chegada matérias mais específicas. Todavia, no último semestre a lista tem custo menor, pois o aluno já possui vários dos materiais e basicamente necessita somente de reposições.

Uma dica que acho importante é a de conversar com alunos de diversos semestres da faculdade de odontologia que você considera cursar, a saber que as listas por semestres mudam de acordo com cada instituição.

Durante a minha graduação (em resumo):

1°, 2°, 3° SEMESTRES: Nestes semestres os gastos não foram tão altos. Basicamente roupas brancas e jaleco. Os maiores gastos foram em:

Anatomia de cabeça e pescoço: Crânio;

Anatomia Dental e Escultura: Macro modelo de boca, ceras e materiais de escultura dental;

Laboratórios: Manequim e kit acadêmico (Caneta de alta e baixa rotação);

4°, 5°, 6°, 7°, 8°, 9°, 10° SEMESTRES: A partir do momento que começam as matérias mais especificas como:

Biomateriais, Dentística, Biossegurança, Radiologia, Periodontia, Anestesiologia, Cirurgia, Endodontia, Prótese, Ortodontia, Odontopediatria e os estágios nas clínicas

As listas de instrumentais, materiais de biossegurança e manequins aumentam consideravelmente. Como dica é bom economizar nos primeiros semestres pois a partir do quarto semestre o valor fica alto.

A princípio as listas e valores crescentes assustam, estudo é investimento! A maioria dos materiais você vai levar para o resto da sua vida, claro que se tomarem os devidos cuidados. Hoje em dia existem facilidades que na minha época não existiam e deve ser aproveitado.

Como por exemplo, o “Programa Universitários” da Dental Speed.

Com ele, você ganha um código especial para ser mentor no orçamento da lista da galera e ganha desconto com cada aluno que fechar, podendo validar até 100% da sua lista!

Confira abaixo algumas dicas para ajudar você a organizar seu tempo e finanças para deixar esse processo mais fácil:

Existem meios de facilitar a organização dos seus materiais e evitar certos gastos nas próximas listas e eu trouxe alguns deles:

  • Antes de orçar, verifique se a lista possui itens que já foram usados em matérias anteriores e poderiam ser reaproveitados.
  • Pesquise e identifique os itens da lista no Dentpedia para tirar dúvidas e comprar exatamente o que é pedido.
  • Economize nos itens que terão um tempo de uso curto para investir em itens que poderão ser aproveitados no futuro na clínica (Ex: Fotopolimerizador).

Preserve seu material fazendo a limpeza da forma correta:

  • A limpeza adequada é essencial para fazer seu investimento valer a pena! Entenda qual produto utilizar em cada etapa do processo de biossegurança.
  • Não use as luvas de procedimento na hora da limpeza, o correto é utilizar luvas grossas de borracha higienizadas com álcool.
  • Faça a limpeza manual com os instrumentais imersos na solução para evitar respingos
  • Após a limpeza, use as lentes de aumento para conferir se o material não possui nenhum resíduo.

É mais dica que você quer, @?

para ver mais sobre higienização de materiais: Acesse aqui!

Finalizo deixando uma frase que gosto muito “Se você pode sonhar, você pode fazer” – Walt Disney

Até a próxima matéria!   😉

Afinal, quanto gasta um estudante de Odontologia? | Nayo | Cirurgião-Dentista | Especialista em Ortodontia

Artigos Relacionados

Imposto de renda para Dentista

Imposto de renda para Dentista

Conteúdo Especial
Todo começo do ano somos assombrados pelo leão e a correria contra o relógio para declarar o imposto de renda toma conta de algumas horas do nosso dia a dia.
Fique tranquilo que iremos esclarecer algumas duvidas aqui para você: