Mulherada Odontológica

Dentista de Sucesso

Hoje a Odontologia é definitivamente uma profissão onde as mulheres predominam. Segundo dados do CFO (Conselho Federal de Odontologia), elas chegam a passar dos 60% do montante de dentistas do Brasil. Eu me lembro que em minha sala da faculdade, em 1998 na UNIP, aqui em São Paulo, já eram cerca de 65 mulheres numa sala de 100 alunos. A mulherada domina a Odontologia.

São delicadas, caprichosas, habilidosas, pacientes, estudiosas, aplicadas, dedicadas, empreendedoras e ainda enxergam cores bem melhor que os homens. Isso faz diferença na hora de pegar a escala e escolher a melhor cor de dente para atingir a melhor estética possível.

As mulheres se concentram em especialidades como Odontopediatria, Saúde Coletiva, Dentística e Endodontia. São também a maioria com títulos de mestrado e doutorado dentro da Odontologia. No local onde eu trabalho, quando 2 dos dentistas saíram de férias no final do ano passado, percebi que estava trabalhando com 26 mulheres contando com as auxiliares e técnicas em saúde bucal. Se contar com as mulheres do atendimento na recepção são 31!

A Odontologia é melhor exercida em equipe e as mulheres dominam a profissão que auxilia dentistas. Profissões que foram regulamentadas em 2008 com melhora na estabilidade e com ganho de direitos trabalhistas. Isso contribui muito para a profissionalização da Odontologia. Dentista que trabalha com auxiliar bem treinada pode render até duas vezes mais.

Nessa mesma linha, nos últimos anos as empresas do ramo odontológico e o mercado em geral percebeu essa maioria feminina e começou a customizar seus produtos para o universo das mulheres. Os jalecos e gorros são mais coloridos e seguem cortes e designs criando uma nova moda. Isso alavancou o surgimento de algumas empresas também geridas por mulheres que tem como grande foco o público odontológico feminino.

Uma outra área importante que está sem franco crescimento é o cuidado voltado especificamente à saúde bucal das mulheres ou Odontologia da Mulher. Não chega a ser uma especialidade e nem uma habilitação, mas sabemos que a mulher passa por fases na vida como a gestação e a menopausa que necessitam de cuidados especiais quando se trata de saúde bucal.

Ao longo dos últimos 50 anos da Odontologia contemporânea no Brasil, as mulheres vêm conquistando seu espaço com muito trabalho e dedicação, se tornando maioria absoluta desde os últimos 15 anos para abrilhantar a profissão e nossos sorrisos. Parabéns pelas suas conquistas neste mês que comemoramos o Dia Internacional da Mulher e em todos os dias do ano.

Um Abraço,

Cirurgião dentista, formado pela Universidade Paulista, UNIP, em 2011, Especialização na área de Periodontia e em Implantodontia, assumiu em 2016 a Coodernação da comissão de Mídias Sociais e Odontologia do CROSP, é palestrante na área de Mídias Sociais e Saúde Bucal. 

Artigos Relacionados